Verão: como prevenir o melasma

Dra. Joana Barbosa | 19/10/2021

Só quem tem melasma, sabe como as danadas manchas do rosto incomodam. E pior, o quanto elas podem piorar bastante no verão.

É muito comum, os pacientes procurarem por tratamento somente no inverno, achando que podemos “resolver tudo” até o verão chegar. Isso é um grande engano.

O melasma é uma condição crônica sem causa definida; associado a diversos fatores predisponentes como: exposição ao sol, uso de anticoncepcionais femininos, gravidez, fatores hormonais, predisposição genética e até o próprio envelhecimento da pele. Pensando assim, tratar apenas no inverno seria como usar medicação para “pressão alta” apenas uma parte do ano.

É por essas e por outras, que devemos tratar e/ou prevenir as manchas da pele o ano todo. Vou te contar como.

  • Nem preciso dizer que o mais importante é a proteção do sol. Faça chuva, faça sol, esteja em casa ou na rua, não fique sem a sua proteção.
  • Filtro solar, sempre que possível, apresentando alto valor de FPS (fator de proteção solar) e coloração de base. Eles garantem uma proteção física, além da química, como se fossem uma barreira ao sol.
  • Não precisa deixar de viajar a praia ou a neve, mas saiba que durante a viagem o uso do filtro solar deve ser intensificado (2 em 2 horas) e além dele, será necessário: viseira de aba larga, óculos escuros, boné e/ou chapéu.
  • Já ouviu falar sobre Fotoproteção oral? Substancias como Vit C, Vit E, polifenóis, carotenoides, Polypodium leucotomos, Picnogenol entre outros, quando usados em forma de comprimidos são capazes de prevenir o efeito oxidante do sol, e consequentemente as manchas.
  • O uso de ácidos potentes (hidroquinona, ácido retinoico, glicólico) durante o verão pode deixar a pele extremamente sensível e mais propensa a manchas. Porém, moléculas novas como tiamidol, cisteinamia, ácidos ferúlico, kójico, azelaico, ascórbico e ácido hialurônico, podem ser prescritos e usados com algumas cautelas mesmo no período de calor.

A única coisa que não pode é deixar de tratar.

Foto: Daxiao Productions/ Shutterstorck