Vendas de seminovos crescem e salvam setor automotivo

No acumulado de janeiro a agosto, já são 10.234.046 unidades, resultado 48,22% a mais que o mesmo período de 2020.

Da Redação | 17/09/2021

Em contrapartida ao mercado de veículo zero que anda em baixa, o de seminovos tem surpreendido – e animado – as equipes de vendas e empresários do setor. Dados da Federação Nacional dos Distribuidores de Veículos (Fenabrave) apontam que no acumulado entre janeiro a agosto de 2021, as transações de usados, considerando todos os segmentos automotivos, já somam 10.234.046 unidades, um crescimento de 48,22% sobre o mesmo período de 2020. Apenas em agosto, o volume chegou a 1.439.113 veículos que tiveram troca de titularidade.

“Desde 2004, nunca havíamos superado a barreira de seis veículos automóveis e comerciais leves usados vendidos a cada novo emplacado em um mês. Em 2021, superamos este número em julho (6,5 usados a cada novo vendido) e agora, também, em agosto (6,8 usados a cada novo comercializado)”, analisa o presidente da entidade, Alarico Assumpção Júnior.

A boa oferta de crédito também tem influenciado nas vendas de usados e, com o estoque reduzido de automóveis e comerciais leves novos, os seminovos ganharam espaço. “Os modelos com até três anos de fabricação representaram 12,75% do volume comercializado em agosto, e 11,27% do total de automóveis e comerciais leves comercializados no acumulado”, explica Assumpção Júnior.

Já os emplacamentos de veículos novos tiveram retração de 4,97% em agosto, na comparação com julho, em função da falta de insumos e componentes na indústria, que impede a regularização da produção em todos os segmentos. No acumulado do ano, no entanto, o setor segue em trajetória de recuperação, com alta de 27,83% sobre os oito primeiros meses do ano passado.

As projeções da Fenabrave, para todo o setor em 2021, se mantêm inalteradas, na expectativa de um crescimento geral de 13,6% sobre 2020.

Em Minas Gerais, o quadro otimista segue o mesmo que acontece no País como um todo. Uma das maiores redes de revendas de usados de BH registrou crescimento, em agosto, de 25% se comparado ao mesmo mês de 2020. No acumulado dos primeiros oito meses de 2021 a empresa teve uma alta de 79,21% no faturamento.

O diretor da Carbig.com, Felipe Pessoa, explica que reforça este resultado o tipo e qualidade de atendimentos utilizados nas 11 lojas localizadas em Belo Horizonte, e uma de Contagem. “Queremos proporcionar ao cliente a melhor experiência de compra com segurança, tranquilidade e também conforto”, comenta o executivo.

A procedência dos veículos é outro ponto a favor, na sua opinião. Ele explica que os seminovos das lojas são todos vistoriados antes de serem colocados à venda. Portanto, o cliente recebe um carro que foi vistoriado e passou por inspeção para garantir a certificação de dados, lataria e estrutura. 

Fique atento

Dicas e verificações importantes para quem vai comprar um seminovo:

  • Desgaste da pintura;
  • Ruídos;
  • Má conservação dos bancos e forrações;
  • Odor de cigarro dentro do habitáculo;
  • Customização excessiva;
  • Procedência e documentação;
  • De olho em odômetro adulterado (quilometragem);
  • Histórico das revisões e de envolvimento em acidentes;

Foto: Edy Fernandes