Setor de terceirização de frotas mantém crescimento

Grupo mineiro Seteloc é um dos destaques do mercado.

Da Redação | 25/11/2021

O mercado de terceirização e gestão de frotas se manteve aquecido ao longo de 2020 e 2021. Embora tenham sido anos de grandes obstáculos para a economia mundial, ocasionado pela pandemia da Covid-19, esse setor soube driblar os desafios e apresentar um crescimento significativo. Esse é o caso do grupo mineiro Seteloc, que vem atraindo olhares de investidores.

De modo geral, o bom desempenho desse segmento pode ser explicado por meio da observação do comportamento de empresas, que antes possuíam frotas próprias como parte significativa de seus ativos, mas optaram pela terceirização desse serviço. Essa atitude, provocou forte impacto nos custos e a eficiência de operação em setores variados, causando expansão do mercado de locação de frotas. 

É nesse contexto que a empresa Seteloc tem chamado a atenção de empresários. O grupo, fundado em 2014, em Belo Horizonte, trabalha com gestão e terceirização de frotas de empresas nos setores de mineração, energia, construção civil e outros. Hoje, conta com mais de 150 clientes ativos, divididos em 19 estados brasileiros. Além disso, a companhia atende mais de 290 municípios, proporcionando soluções customizadas para demandas específicas.

Para dimensionar o bom momento do grupo Seteloc, até outubro deste ano, a Seteloc e a Seteloc Seminovos somaram uma receita bruta acima de R$ 93 milhões e tiveram a frota avaliada em mais de R$ 240 milhões.

Expansão e investimento coletivo

Aprovada no programa de Scale-Ups da Endeavor Brasil, por estar entre as empresas que mais cresceram em 2020, recentemente a Seteloc anunciou o aumento das frotas, devido a alta demanda, e iniciou uma captação de recursos através do investimento coletivo junto à Vangardi Investimentos.

A Seteloc tem o objetivo de levantar R$2,5 milhões. Para investir, basta fazer o cadastro na plataforma da fintech que trabalha com cotas limitadas e aplicação mínima de R$1.000,00. O rendimento da oportunidade é de 17% ao ano, com duas modalidades de retorno, sendo juros anuais ou ao final do prazo de 24 meses.

De acordo com o CEO da Vangardi, Rodrigo Oliveira, essa é uma excelente oportunidade de diversificar a carteira de investimentos, principalmente em uma época de instabilidade na Bolsa e a Seteloc “se provou enquanto uma empresa madura, com uma excelente estrutura de governança corporativa, além da robustez de seus indicadores. Muito importante essa parceria com uma taxa tão atrativa”.

Para saber mais da oportunidade de investimento na Seteloc e aproveitar a oportunidade da Vangardi, acesse o site (vangardi.com.br/seteloc/). 

Minas é destaque na locação de veículos

Com 70% do emplacamento de carros de locadoras no Brasil, o mercado mineiro tem chamado atenção no setor de gestão e terceirização de frotas. De acordo com dados da Associação Brasileira de Locação de Automóveis (Abla), houve um aumento considerável na taxa de ocupação das locadoras em 2019/2020, que era de 75%, e atualmente se encontra acima de 90%.

Para o presidente da Abla, esse número de usuários e empresas deve aumentar nos próximos cinco anos. “O número de usuários está em crescimento contínuo porque empresas perceberam que alugar é mais rentável do que ter o próprio carro”, justifica.