Roteiro Clube da Esquina leva turistas a pontos de encontros dos artistas

O lançamento do roteiro integra as ações do projeto “No Palco do Clube - Nesse Clube a Gente Se Vê” que acontece nos dias 6, 13, 20 e 27 de dezembro

Da Redação | 30/11/2020

Turismo. O Bar do Museu Clube da Esquina celebra seus cinco anos de abertura e os 123 anos de Belo Horizonte lançando um roteiro turístico para lá de especial. O projeto leva turistas e pessoas interessadas em conhecer o percurso dos artistas que formaram o Clube da Esquina.

O roteiro foi desenvolvido com base no “Guia Belo Horizonte – Roteiro Clube da Esquina”, editado pela Associação dos Amigos do Museu Clube da Esquina, que descreve os 25 lugares da cidade que se eternizaram através dos artistas do Clube da Esquina. O lançamento  do roteiro integra as ações do projeto “No Palco do Clube – Nesse Clube a Gente Se Vê” que acontece nos dias 6, 13, 20 e 27 de dezembro, com a realização de 4 lives, a serem transmitidas pelo canal do youtube do Bar do Museu Clube da Esquina. 

O roteiro será oferecido pela agência de turismo Tripness, de Tiago Patrícios, que, além dos principais pontos de passagem dos músicos, vai oferecer opções de locais para conhecer a culinária e arte produzidas em Belo Horizonte, com o intuito de explorar ainda mais o potencial turístico para a capital mineira. Alguns pontos a serem visitados: Quarteirão fechado da rua Rio de Janeiro com foco na Praça Sete; Ponto dos músicos (Em frente a Sapataria Americana) Av. Afonso Pena, 354; Edifício Levy – Avenida Amazonas, 718; Edifício Arcângelo Maletta – Rua da Bahia, 1148; Cantina do Lucas; Praça da Liberdade- Alameda Travessia; Minas Tenis Clube; Colégio Estadual; Viaduto Santa Tereza; Bairro Santa Tereza, incluindo Praça Duque de Caxias, Casa dos Borges, Esquina do Clube na Rua Paraisópolis com Divinópolis e Bar do Museu Clube (Rua Paraisópolis, 738). 

“Guia Belo Horizonte – Roteiro Clube da Esquina”

Há muitas maneiras de se conhecer Belo Horizonte, uma cidade múltipla; em alguns momentos a metrópole efervescente, em outros o centro acolhedor de antigas tradições. Este guia reúne toda essa diversidade, propondo ao visitante um roteiro singular. Por ele trilham-se os caminhos percorridos pelo Clube da Esquina, o movimento musical que surgiu na cidade, no final da década de 60, transpôs as montanhas de Minas e ganhou expressão internacional.

Leia também: Natal Iluminado de Tiradentes traz espetáculos e gastronomia especial : Cidade Conecta

Naquela época, este grupo de jovens, como outros de sua geração, sonhava em mudar o mundo com a força de seu canto e a rebeldia de suas idéias. Procedentes de vários lugares, eles se encontravam nas ruas de Belo Horizonte, por onde andaram e fizeram história, celebrando o amor, a paz e a amizade e um imenso desejo de liberdade.

As páginas do guia buscam revelar um pouco desse espírito. Ele pode estar nos arcos centenários que levam a Santa Tereza, no traço arrojado de Niemeyer, nas esquinas, na boemia, em lugares simbólicos ou imaginários. Um espírito que eternamente moverá a cidade, ao som da música e dos sonhos de uma geração. Ao passear pela cidade, o visitante é convidado a conhecer e desfrutar a magia da Belo Horizonte do Clube da Esquina.

O projeto No Palco do Clube – Nesse Clube a Gente Se Vê” conta com o patrocínio da Belotur e Prefeitura de Belo Horizonte, com apoio da Ecofogões, Grupo Minueto, Sirius Cultura e Infra do Brasil e realização do Espaço Estação das Artes – Bar do Museu Clube da Esquina, com produção de Virginia Camara e Simone Senra.

Serviço:

  • Bar do Museu Clube da Esquina lança Roteiro baseado no Guia Clube da Esquina – pontos de encontro dos Artistas da década de 70. 
  • Link (aqui) para compra do livro no valor de R$39,00
  • Informações para fazer o roteiro Clube da Esquina: Agência de Viagens Tripness- tel: 31 3646-1249

Foto: Michael Assis.

Mais Notícias