O olhar para a frente de Carlos Vergara

Artista mostra a forte influência de Minas Gerais, com pigmentos extraídos por aqui em suas criações.

João Eugênio e Thiago Romano - BH Cosmopolita | 01/10/2021

Um dos principais nomes do movimento da Nova Figuração, Carlos Vergara estreia a reabertura do Museu Inimá de Paula, com a exposição “Prospectiva”, a partir de 6 de outubro, a maior do artista em Minas Gerais. O Estado tem forte influência em seu trabalho, uma vez que ele usa pigmentos extraídos por aqui em suas criações.

Prestes a completar 80 anos, Vergara não para de criar. Traz para Belo Horizonte o seu maior conjunto de painéis, que fizeram o museu se adaptar para abrigar as obras. Traz também peças novas, que serão apresentadas pela primeira vez por aqui, além das séries “Natureza Inventada”, “Sudários”, “Empilhamento” e “Prospectivas”, que dá nome à mostra.

No dia da abertura ao público haverá um talk com Vergara no Museu Inimá de Paula, imperdível para quem ama arte.

Saiba mais: Prospectivas – Carlos Vergara. Museu Inimá de Paula; a partir de 6/10; @ museuinimadepaula / @ateliecarlosvergara

Foto: Divulgação JC / Museu Inimá de Paula

Um mundo de papelão para construir com os pequenos

É natural de toda criança ter uma potência criativa grande para imaginar histórias inteiras e dar vida a objetos comuns. É nessa pegada que o Eranos Círculo de Arte estreia o espetáculo “Os Pequenos Mundos” para o projeto CCBB Em Casa. A ideia é convidar crianças e seus adultos a participarem de uma aventura por mundos encantados criados com caixas de papelão. O mais legal é que o público recebe, antecipadamente, uma lista de materiais e orientações para preparar, em casa, um espaço cênico e um boneco, de modo que a experiência teatral seja mais imersiva para os pequenos.

“As crianças são os principais autores da produção desse espaço cênico. E quando começar a peça, elas vão ter acesso ao pequeno mundo que o adulto construiu para elas ou junto com elas”, explica a atriz e psicóloga do espetáculo, Sandra Coelho. Ela conta que a peça foi pensada para pequenos de 3 a 8 anos, e é toda interativa, de modo que mais do que assistir via uma tela, “é um espetáculo para participar”.

Saiba mais: “Os Pequenos Mundos” fica em cartaz até o dia 21/11, aos sábados e domingos com sessões às 15h e às 17h, às quintas-feiras, às 10h, e nas sextas-feiras às 15h. Cada apresentação tem duração aproximada de 35 minutos, e ocorre na plataforma Zoom. Para assistir, e participar, acesse o site www.bb.com.br/cultura

Caio Soter, cada vez mais, além do arroz

Depois do Direito, do dry aged, do Alma Chef, do reality global e do Jardim, o chef Caio Soter finalmente abre o seu primeiro restaurante: Pacato. A comida é de inspiração mineira e promessa de “alta gastronomia autoral”, com referências na cozinha de quintal da roça, que se organizava em torno da tríade vegetais, porco e frango.

O menu à la carte aparece enxuto, criativo, com técnicas clássicas de cozinha internacional que elevam receitas e sabores bem regionais, como o enroladinho com lombo de porco Moura, que vem com duxelles de legumes da horta e taioba, purê de abóbora caramelizado e glacê de pé de porco. Mas a verdadeira experiência do Pacato está no menu degustação de sete tempos. A ideia é ser o espaço maior de invenção do chef, com pratos que variam periodicamente, seguindo a sazonalidade dos ingredientes e também a vontade do criador. Espere surpresas nos sabores, nas texturas e combinações.

Saiba mais: O Pacato fica na Rua Rio de Janeiro, 2735, Lourdes. Como são apenas 48 lugares, vale a pena fazer uma reserva no (AQUI)