Museu do Oratório e Museu de Sant’Ana reabrem aos visitantes

Da Redação | 14/07/2021

O Instituto Cultural Flávio Gutierrez acaba de anunciar a reabertura do Museu do Oratório, localizado em Ouro Preto/MG e do Museu de Sant’Ana, localizado em Tiradentes (MG). Os espaços ficaram fechados devido à pandemia do Covid 19 e, agora, passam a receber os visitantes, seguindo as diretrizes e orientações de segurança e saúde, dos órgãos competentes de cada município e do estado de Minas Gerais. 

“As equipes dos museus estão preparadas para atender presencialmente aos visitantes de forma segura para ambas as partes. Para nós, é uma alegria receber novamente o público, apresentando nosso rico acervo. A abertura dos museus, com parcimônia, é importante para fortalecer a cultura e como opção de entretenimento e conhecimento para as pessoas, neste momento de pandemia”, acredita Angela Gutierrez, presidente do Instituto Cultural Flávio Gutierrez. 

Museu do Oratório 

O Museu do Oratório foi inaugurado em 1998 na cidade de Ouro Preto/MG, no prédio setecentista pertencente à Venerável Ordem Terceira do Carmo, que foi totalmente restaurado e adequado para abrigar o Museu. Apresenta uma coleção  de 162 oratórios e 300 imagens dos séculos XVII ao XX. As peças do acervo foram doadas ao IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) pela colecionadora Angela Gutierrez e são genuinamente brasileiras, principalmente de Minas Gerais.

Para que o visitante acesse o circuito expositivo do Museu do Oratório, alguns procedimentos de segurança devem ser atendidos: aguardar atendimento seguindo as marcações no solo, aplicadas na entrada principal do edifício, mantendo o distanciamento mínimo de 2m entre pessoas; aferimento de temperatura corporal; higienização dos pés em tapete sanitizante; higienização das mãos através do dispensador de álcool em gel disponibilizados em diversas áreas do museu; uso obrigatório e correto de máscara facial durante a permanência nos espaços. O fluxo de visitantes também está sendo controlado sendo permitida a permanência de no máximo 20 pessoas no interior do museu; entrada e saída do circuito expositivo por acessos distintos; respeito ao distanciamento mínimo entre visitantes de 3m. Alguns serviços estão suspensos como: uso dos banheiros e dos bebedouros; serviço de guarda-volumes; e atividades da Loja do Museu do Oratório (temporariamente).

Para manutenção de suas atividades, o Museu do Oratório conta com o Patrocínio Máster do Instituto Cultural Vale através da Lei de Incentivo à Cultura.

Museu de Sant’Ana

Instalado na antiga Cadeia Pública da cidade de Tiradentes, o Museu abriga 291 imagens de Sant’Ana, a santa protetora dos lares e da família, bem como dos mineradores. São obras brasileiras, de várias regiões do país, eruditas e populares, dos mais variados estilos e técnicas, produzidas em sua maioria por artistas anônimos, entre os séculos XVII e XIX, em materiais diversos. Reunidas por Angela Gutierrez ao longo de quatro décadas de buscas e pesquisas, as peças constituem um acervo sem similar no país, agora compartilhado com todos.  Doada ao Patrimônio Público e sob a gestão do Instituto Cultural Flávio Gutierrez, a coleção impressiona pela beleza, originalidade e relevância.

Para garantir a segurança dos visitantes o Museu de Sant’Ana adotou protocolo de acesso, que prevê, dentro outras ações: o visitante deve aguardar atendimento dentro das faixas de distanciamento estabelecidas na entrada do museu, mantendo o distanciamento mínimo de 1,5m entre pessoas; higienização dos pés em tapete sanitizante; uso obrigatório e correto da máscara facial durante todo o período de permanência nos espaços do museu; higienização das mãos através de dispenser de álcool em gel; evitar o uso de mochilas e bolsas. A visitação também segue algumas regras: permanência de no máximo 20 pessoas no interior do museu; entrada pelo hall de entrada e saída pela porta de emergência nas salas expositivas; respeito ao distanciamento mínimo de 1,50m entre visitantes; não são permitidos grupos no formato de excursões ou outros grupos com grande número de pessoas. Alguns serviços estão suspensos como: uso dos banheiros, dos bebedouros; e dos elevadores; e serviço de guarda-volumes. Os equipamentos de audioguias; multimídia do hall de entrada; e multimídias das salas expositivas estão interditados. 

Para manutenção de suas atividades, o Museu de Sant’Ana conta com o Patrocínio da Copasa e do Instituto CCR através da Lei de Incentivo à Cultura. A obra e implantação do Museu de Sant’Ana foram viabilizadas por meio do apoio financeiro do BNDES e das parcerias com o IPHAN, IEPHA, Fundação Rodrigo Mello Franco de Andrade e UFMG (Campus Cultural). 

Serviço Museu do Oratório:

  • Dias/Horários: quarta-feira a segunda-feira (fechado às terças para manutenção).  De 9h às 12h | 13h30 às 17h
  • Ingressos:R$5,00 (inteira)/ R$2,50 (meia-entrada) para pessoas acima de 60 anos. Pagamento somente no dinheiro (temporariamente). Entrada gratuita para professores, estudantes, guias de turismo e moradores de Ouro Preto devidamente identificados.
  • Endereço: Adro da Igreja do Carmo, 28, Ouro Preto/MG
  • Site: www.museudooratorio.org.br – Instagram/Facebook: @museudooratorio
  • Youtube:  https://bit.ly/3ffxSWh

Serviço Museu de Sant’Ana

  • Dias e horários: quarta a segunda das 10h às 18h / *Domingo das 10h às 16h
    Encerramento da bilheteria meia hora antes.
  • Ingressos: R$5.00 (inteira) R$2,50 (meia) – Professores, estudantes, guias de turismo e moradores da cidade tem gratuidade mediante apresentação de comprovante
  • Endereço: Rua Direita, 93 – Entrada pela Rua da Cadeia, Centro, Tiradentes /MG
  • Site: www.museudesantana.org.br  – Instagram/Facebook: @museudesantana

Foto destaque: Eduardo Tropia

Confira outras notícias (AQUI)

Mais Notícias