“Insonhos” marca a estreia de Laudeir Borges na poesia

O cotidiano, as insignificâncias e as lembranças estão na obra do jornalista mineiro, que será lançada em BH no próximo dia 4 de setembro.

Da Redação | 31/08/2021

Laudeir Borges

O jornalista mineiro Laudeir Borges, hoje radicado em Brasília, lança seu primeiro livro de poemas no próximo dia 4 de setembro em Belo Horizonte, sua terra natal. Com o sugestivo título de “Insonhos”, a obra explora o cotidiano, as insignificâncias, as lembranças vividas ou inventadas, devaneios e realidades.

“É um livro escrito de corpo e alma. Laudeir é um artista que sabe falar do que é, aparentemente, mínimo e explora máximos ou não evidências com densidade e força”, descreve a também jornalista e poeta Sidneia Simões, que escreveu a apresentação da obra.

Vivência do noticiário

São 120 páginas e 50 textos. Em um deles – “Ágathas” – a vivência do noticiário está presente. É inspirado na menina Ágatha Vitória Sales Félix, de 8 anos, morta por um tiro da polícia, quando voltava para casa com a mãe, no Complexo do Alemão, Rio de Janeiro, em setembro de 2019. Também a política, a destruição ambiental, o racismo inspiram e movem o jornalista-poeta ou poeta-jornalista.                 

A maioria dos poemas foi escrita entre 2016 e 2020, mas há alguns bem mais antigos. Os poemas já tinham sido selecionados, e “Insonhos” estava em pré-produção, quando eclodiu a pandemia.

Cheio de ilustrações

O livro vem recheado de ilustrações da brasiliense Mariana Capelo. Sua interpretação pictórica dos poemas é leve, fluida e nem um pouco categórica. Em vez de apontar significados, sugere múltiplos caminhos, abre possibilidades. A artista divide com o poeta o projeto gráfico do livro. O design traz surpresas: a impressão da capa no lado fosco do papel e o refile manual estimulam a experiência tátil do leitor.

O livro marca a estreia de Laudeir Borges na poesia. Formado em jornalismo pela PUC-MG em 1988, trabalhou por mais de 30 anos como editor de texto, diretor e roteirista em diversas emissoras de televisão (Globo, SBT, Band, Rede Minas). Desde 2011 é analista de Comunicação no Senado Federal, em Brasília.

Possui textos publicados em várias coletâneas, sendo que a mais recente é a antologia de crônicas do prêmio Off Flip 2020. Em 2016, formou, junto com outros quatro autores mineiros, o coletivo “O Grito”, que produziu três edições do projeto “Postais Poéticos”.

Livro de Laudeir Borges tem 50 textos (Foto: Guto Muniz)

Serviço

  • Lançamento de “Insonhos”
  • Data: 4 de setembro de 2021
  • Horário: das 14h às 20h
  • Local: Casa da Floresta (Rua Silva Ortiz, 78, Bairro Floresta, BH)
  • Preço: R$ 35,00
  • Contato: [email protected] / (31) 3441-6991

Foto: Guto Muniz

Confira outras matérias sobre literatura AQUI.