Fusão entre empresas traz novidade para o setor de seguros

Da Redação | 05/01/2021

O ano de 2021 começa com uma grande novidade o setor de seguros: a fusão entre as empresas Intermezzo Administradora e Corretora de Seguros e Wegman Corretora de Seguros, que dará origem a Interweg Seguros. As duas corretoras iniciaram a nova operação em Janeiro 2021 e a partir de Abril já deverão estar em uma sede totalmente nova e moderna.

Embora o processo de fusão tenha iniciado em 2020, a ideia de somar forças foi sendo amadurecida nos últimos dois anos pelos empresários Alexandre Mucida Machado Correa, da Intermezzo, e Walter Rohlfs Neto, da Wegman, que têm mais de 23 anos de atuação no mercado de seguros e se conhecem há pelo menos 15 anos. Segundo os dois  sócios, o principal objetivo é fortalecer as operações de seguros no segmento corporativo, com grande ênfase nos produtos voltados à pessoas, como os planos de saúde e seguros de vida.

Os dois empresários lembram que a Interweg surgiu da necessidade de atuar no mercado de seguros de uma forma mais robusta e com toda a estrutura técnica e operacional necessárias para um atendimento completo e consultivo, porém amparado no conceito de “boutique de seguros”, na qual mesmo as grandes corporações podem usufruir de um atendimento personalizado e com grande atenção até mesmo por parte dos sócios executivos.

O mercado de seguros tem assistido a uma movimentação intensa de fusões e aquisições de corretoras de seguros, criando assim operações mais fortes e abrangentes e foi neste sentido que a fusão das empresas ocorreu. “Nossos clientes serão os mais beneficiados com essa fusão, pois proporcionaremos um atendimento técnico e comercial mais forte, estruturado e atencioso”, afirma Walter Rohlfs Neto.

Para Alexandre Mucida, a fusão trará uma força comercial muito grande. “Vamos somar os relacionamentos dos dois sócios, teremos um “gás” novo, uma motivação para a prospecção de novos negócios e desenvolvimento de novos produtos”. Para colocar a ideia em prática, as duas corretoras contrataram uma empresa de consultoria especializada, a RG5, para fazer a parte de Due Diligence (auditoria interna) e Valuation (avaliação) das duas empresas.

Reforçando o foco no segmento corporativo, em especial nas áreas de saúde e vida, um dos primeiros investimentos da nova empresa foi no setor de gestão dos planos de saúde, através da contratação de uma equipe médica qualificada, da própria Interweg, e da disponibilização de um BI (Business Intelligence ou Inteligência de Negócios), um software que faz a compilação dos dados dos contratos para trazer a possibilidade da equipe fazer uma auditoria médica e gestão dos planos de saúde das empresas de uma forma mais assertiva e de qualidade. “Queremos a digitalização dos nossos processos, tanto operacionais quanto comerciais”, destacam os dois empresários.

A Interweg também já contratou há cerca de um mês um médico consultor e auditor, oriundo da Unimed-BH, para compor a sua equipe. Ele vai capitanear o trabalho da parte médica da nova corretora junto às empresas clientes, utilizando a ferramenta do BI (que já foi batizada de WeeBI), que será usada para a gestão dos planos de saúde corporativos.

Os novos sócios afirmam que a Interweg já nasce com uma grande carteira de clientes pessoa física e dará continuidade à atuação no mercado de varejo (produtos individuais, ou seja, automóveis, residência, condomínios etc.). Entretanto, ressaltam que a nova empresa vai prestar uma consultoria detalhada na área corporativa, entendendo a demanda das empresas desde a parte patrimonial, de responsabilidade civil, garantias e da área de benefícios, que está ligada à área de recursos humanos das empresas com produtos voltados exclusivamente à pessoas, como os planos de saúde, odontológico e seguro de vida em grupo.

Para Alexandre e Walter, o processo da fusão está trazendo um novo “gás” para a vida profissional deles. “Estamos muito otimistas, com muita expectativa porque 2021 será o ano de estruturação da nossa nova empresa, que nasce com essa soma de expertises e de conhecimentos que possibilitará a multiplicação do nosso faturamento”, pontuam os dois empresários.

Confira outras notícias (aqui)

Mais Notícias