EQC 400 impressiona pelo desempenho dinâmico e sofisticação

O interior do modelo também impressiona pela sofisticação. Os bancos do condutor e passageiro contam com ajuste elétrico e memória, enquanto o acabamento em alumínio tem uma proposta futurística.

Da Redação | 23/10/2020

Novidade. Primeiro carro 100% elétrico da Mercedes-Benz vem com dois motores que fornecem, juntos, 408 cv de potência e autonomia de até 471 quilômetros

Em poucos dias, dois elétricos. E assim segue o mercado automotivo. Os eletrificados estão cada vez mais presentes nas nossas vidas e no caso do Cidade Conecta foram avaliados, somente em outubro, os alemães da Audi e da Mercedes. O e-tron foi assunto da semana passada, numa viagem incrível até Tiradentes. Agora chegou a vez do primeiro elétrico da Mercedes-Benz, o EQC 400, entrar na pauta.

A montadora sempre foi inovadora desde sua fundação há 130 anos. No caso dos elétricos, ela até saiu atrás de alguns concorrentes, mas valeu a pena: em agosto deste ano desembarcou por aqui um automóvel sofisticado, com acabamento impecável e um desempenho muito interessante. Notamos estes atributos no modelo cedido pela Bamaq Automóveis, concessionária da marca em BH, para essas primeiras impressões.

Quando se fala em Mercedes nem precisa repetir que o luxo impera. No caso do EQC vamos destacar, primeiro, o alto desempenho dinâmico proporcionado pelos dois motores elétricos, que ficam localizados nos eixos dianteiro e traseiro. Juntos geram 408 cv de potência.

A bateria de íon-lítio fica na base do veículo e tem 80 kWh de conteúdo energético. Isso que possibilita a autonomia de 445 a 471 quilômetros, segundo o método NEDC. Não foi preciso utilizar esta capacidade durante o teste.

Mas se for necessário, o carro vem com um carregador portátil, com o fornecimento e a instalação de um wallbox de carregamento na residência do cliente “bancado” pela Mercedes-Benz. É para garantir maior praticidade de recarga e, o melhor, sem sair de casa. Quem fornece este gerenciamento de recarga é uma empresa chamada Enel X.

Em termos de design, o EQC 400 chama a atenção como todo e qualquer produto que tem uma estrela solitária cravada em sua grade frontal. Grade, aliás, que foi renovada. Também foram atualizadas as lanternas, que ficaram mais alongadas e esportivas. As rodas, por sua vez, têm uma combinação de grafite e azul que “conversam” com o preto

O interior do modelo também impressiona pela sofisticação. Os bancos do condutor e passageiro contam com ajuste elétrico e memória, enquanto o acabamento em alumínio tem uma proposta futurística.

O equipamento de som de alta performance Burmester complementa o aspecto premium do habitáculo. Assim como o sistema de entretenimento, o Mercedes-Benz User Experience (MBUX), que permite ativar funções a partir do comando de voz “Hey Mercedes”.

FICHA TÉCNICA

  • MOTOR
  • Emissões de CO2: 0 g/km
  • Autonomia (NEDC): 445 – 471 km
  • Sistema de propulsão: 2 motores assíncronos, tração nas quatro rodas
  • Potência: 408 cv (300 kW)
  • Torque máximo: 760 Nm
  • Bateria: Íons de lítio
  • Capacidade da bateria (NEDC): 80 kWh
  • DESEMPENHO
  • Velocidade máxima: 180 km/h (limitada eletronicamente)
  • 0 a100 km/h: 5,1 s
  • DIMENSÕES
  • Comprimento: 4.761 mm
  • Largura (com espelhos): 1.884 (2.096)
  • Altura: 1.623 mm
  • Entre eixos: 2.873 mm
  • Porta-malas:  500 l
  • Peso: 2.495 kg
  • PREÇO
  • Sugerido pelo fabricante: R$ 575.000

FONTE: Mercedes-Benz

Mais Notícias