Chevrolet revela imagens do Cruze RS, série especial com chegada prevista até dezembro

Versão vem cheia de acessórios que a deixam com aspecto mais esportivo; motor turbo permanece sob o capô.

Luís Otávio Pires | 12/11/2021

Cruze RS

A mania de encher os carros de acessórios e criar uma versão é mesmo uma prática da indústria automotiva. E ela vai se repetir ainda este ano, quando a Chevrolet iniciar a comercialização do Cruze RS. O Onix já faz parte da família e agora chega a vez do “irmão” mais velho.

As primeiras imagens do Cruze RS começaram a ser reveladas. Sinal de que já está chegando ao mercado. A receita é a mesma: oferta de cores limitadas, itens de personalização e preço mais alto. Junta-se tudo isso e “vualá”. Está criada uma versão com visual esportivo.

O Cruze RS será disponível apenas para o modelo hatch, chamado de Sport6 pela empresa. “Vai trazer acabamentos diferenciados que ressaltam as linhas aerodinâmicas da carroceria e dão um toque mais exclusivo ao interior do modelo hatchback”, confirma o diretor de Marketing de Produto GM América do Sul, Rodrigo Fioco.

A linha do Sport6 tem hoje versões Premier, LT e LTZ, com opções de motor 1.4 Ecotec Turbo SIDI Flex de 150 cv a gasolina e 153 cv no etanol, ambos a 5.200 rpm, tendo ainda torques de 24,0 kgfm com gasolina e 24,5 kgfm com etanol, ambos a 2.000 rpm, entrega disposição e força em qualquer situação. O hatch da Chevrolet tem preço entre R$ 11 mil e R$ 156 mil.

Wi-fi de bordo

Assim como a versão Premier, o Cruze RS também virá de fábrica com Wi-Fi nativo a bordo, que proporciona conexão automática para até sete dispositivos simultaneamente e a possibilidade de serviços conectados na tela do veículo.

Como se trata de um modelo que terá apelo esportivo, a General Motors deve equipar o Cruze RS com o mesmo motor 1.4 turbo de 153 cv de potência.

O multimídia MyLink tem de oito polegadas e permite o pareamento via bluetooth simultâneo até dois celulares, traz mais uma entrada USB no console dianteiro, carregamento wireless compatível com maior gama de celulares e introduz o sistema para reconhecimento do motorista. Neste caso, o carro identifica qual de suas chaves eletrônicas está no comando e automaticamente ajusta o conteúdo da tela para as preferencias memorizadas de cada usuário (aplicativos, estações de rádio, etc).

Culto à sigla

Segundo o fabricantes dentro da linha de séries especiais da marca, a versão RS está entre as mais cultuadas no mundo.

O Cruze RS se destaca pela dianteira com uma nova grade tipo colmeia, spoilers mais pronunciados esculpidos nas extremidades do próprio para-choque e um conjunto luminoso, com faróis tipo projetor com máscara negra e luz DRL com moldura em preto brilhante.

O interior também é diferenciado, com detalhes em preto e vermelho nas costuras doa bancos e a inscrição “RS” espalhada por algumas partes do habitáculo.

No Onix RS, o consumidor ainda pode personalizar o veículo com diversos acessórios, como tapetes de carpete com borda vermelha e logo “RS”, pedaleiras esportivas, tapete de bandeja de porta-malas, ponteira do escapamento cromada com dupla saída e antena de teto mais curta. Isso deve se repetir também no Cruze RS.

Confira outras matérias da Chevrolet AQUI.