Carnaval de BH terá bares e restaurantes fechados no fim de semana para evitar aglomerações

Veja o que abre e o que fecha: estabelecimentos voltam a funcionar com horários restritos a partir da segunda até quarta-feira de cinzas.

Luís Otávio Pires | 12/02/2021

Comércio de BH fechado

Apesar de ser um dos principais destinos do Carnaval no País, Belo Horizonte – como todas as cidades brasileiras – não terá folia, por causa da pandemia do novo coronavírus.

A capital mineira segue o feriado com diversas restrições a partir desta sexta-feira, 12, até dia 16, a fim de evitar aglomerações e contágios.

O objetivo da PBH é evitar que aconteça o mesmo do Natal e Réveillon, quando várias festas e reuniões fora promovidas, além de viagens. O resultado foi o aumento significativo de casos e óbitos, decorrentes da Covid-19.

Fique atento

  • Comércio: abertas as lojas de rua, galerias de lojas e centros de comércio de 9h e 20h no dia 13. Fechadas dia 14. Aberto de 11h às 15h dias 15, 16 e 17. Volta ao normal dia 18.
  • Bares e restaurantes, inclusive em shoppings e clubes: abertos até 15h no dia 12; fechados nos dias 13 e 14; abertos até 15h dias 15, 16 e 17. Permitido delivery e retirada em qualquer dia e horário. Permitido o consumo de bebida alcoólica durante o funcionamento nos dias 12, 15, 16 e 17.
  • Bancos: Fechados dos dias 15 e 16.
  • Shoppings: lojas abertas das 10h às 21h; e alimentação apenas delivery, drive-thru e retirada no balcão, sendo proibido o consumo no local no dia 13; lojas de serviços essenciais abertas das 10h às 21h; e alimentação apenas delivery, drive-thru e retirada no balcão, sendo proibido o consumo no local no dia 14; lojas abertas das 10h às 21h e alimentação das 11h às 15h, nos dias 15 e 16.
  • Supermercados, padarias, farmácias, postos de combustíveis: abertos todos os dias
  • Mercado Central: aberto de 8h às 18 (dias 13, 15 e 16) e aberto de 8h às 13h (dia 12). Bares e restaurantes do local seguem os horários dos demais estabelecimentos.

Segundo o presidente da CDL/BH, Marcelo de Souza e Silva, foi encaminhado um ofício ao Sindicato dos Empregados no Comércio de Belo Horizonte e região Metropolitana (SECBHRM), a fim de solicitar a alteração da Convenção Coletiva 2020/2021 para autorizar que os funcionários do comércio possam trabalhar no dia 15 de fevereiro. A data da transferência é o Dia do Comerciário que, teoricamente, seria folga para os colaboradores do setor.

As regras para o funcionamento do comércio incluem as categorias econômicas do comércio lojista e profissionais de outras cidades da Região Metropolitana. Além de Belo Horizonte, Caeté, Lagoa Santa, Nova Lima, Pedro Leopoldo, Raposos, Ribeirão das Neves, Rio Acima e Vespasiano seguirão as recomendações.

Museu Abílio Barreto tem duas exposições em cartaz (Foto: Ricardo Laf)

Museus

Em contrapartida, museus municipais estarão abertos, com horários específicos, número de pessoas limitado e acesso apenas com agendamento, embora os ingressos sejam gratuitos. Para agendar, acesse aqui.

  • Museu Histórico Abílio Barreto:  exposições “Complexa Cidade” e “Gráficografia”. Funcionamento: quarta a domingo, das 11h às 18h;
  • Museu da Moda de Belo Horizonte: exposição “Arquivo Urbano: 100 anos de fotografia e moda no Brasil”. Funcionamento: quarta a sábado, das 11h às 18h;
  • Casa do Baile: exposição Marcel Gautherot – registros modernos da Pampulha: depois e além. Funcionamento: quarta a domingo, das 11h às 18h.

Leia outras matérias sobre Carnaval aqui.

Foto: Rádio Santana

Mais Notícias